Exposição em São Pedro da Aldeia (RJ) apresenta melhores trabalhos do projeto Museu Itinerante

A Casa de Cultura de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos (RJ), receberá os 21 melhores trabalhos inscritos no concurso cultural “Arte/Água: essenciais para a vida”, que permanecerão em exposição aberta para todo o público do dia 26 de outubro a 4 de novembro. A mostra, patrocinada pela concessionária de saneamento básico Prolagos e apoiada pelo Instituto Equipav, representa o encerramento do projeto Museu Itinerante – uma iniciativa desenvolvida ao longo de 2016 para incentivar a apreciação da história da arte, envolver o público infantil e jovem com a área cultural e discutir questões relacionadas à água.

Ao visitar a exposição, o público poderá conferir obras elaboradas com a técnica da colagem, um procedimento artístico que utiliza variados materiais – como recortes de revistas, jornais, fotos, folhetos, papéis e tecidos de diferentes tipos, entre outros itens. As peças foram criadas por estudantes de São Pedro da Aldeia, do 1° ao 9º ano, tendo a água como inspiração, trazendo reflexões sobre a importância dos recursos hídricos para o planeta.

Antes de produzir as colagens, os alunos conferiram reproduções de obras assinadas por grandes nomes da arte, nacionais e internacionais, como Van Gogh, Monet, Di Cavalcanti e outros. Em comum, os quadros traziam o elemento água como destaque. Os professores da rede de ensino de São Pedro da Aldeia também foram contemplados durante o projeto e participaram de workshops ministrados pela arte-educadora Vera Barros para aprofundar o conteúdo da exposição e conhecer formas de discutir as obras e as questões relacionadas à água em sala de aula, abordando aspectos da história, da geografia e de outras áreas.

Com o acompanhamento dos professores, os estudantes buscaram então interpretar as obras apresentadas, fizeram conexões com os diversos significados que a água tem para o mundo atual e capricharam nos recortes e nas colagens para criar peças artísticas próprias. “Ficamos impressionados com a alta qualidade dos trabalhos e com o comprometimento dos participantes. Consideramos a criatividade, a estética, a fidelidade e coerência ao tema, além da diversidade na utilização de materiais como critérios de avaliação e tivemos um resultado muito rico, que nos deixou muito orgulhosos”, comenta a gestora de investimentos sociais do Instituto Equipav, Patricia Menezes.

Das 21 obras selecionadas para a exposição, uma delas se destacou na opinião do corpo de jurados do concurso – formado por membros da Secretaria de Educação, da Secretaria de Turismo e Cultura de São Pedro da Aldeia, representantes dos patrocinadores e da curadoria do projeto. A arte desenvolvida pela Escola Municipal Manoel Moraes da Silva foi escolhida como a melhor obra criada durante o projeto. Os alunos Adriele Almeida Bastos, Marlon Pereira Nunes, Mayara dos Santos Rodrigues, Taynara dos Santos Rodrigues e Thayná de Jesus Oliveira serão presenteados com um tablet cada um. A professora-coordenadora Barbara Joyce Castanheira será premiada com um notebook e a escola receberá um projetor para aprimorar a estrutura de aprendizagem. A entrega dos prêmios acontecerá no dia 26 de outubro, durante a abertura da exposição, na Casa da Cultura Gabriel Joaquim dos Santos.

O projeto Museu Itinerante é realizado pela Pink Produções, com patrocínio da Prolagos e apoio cultural do Instituto Equipav (por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura – a Lei Rouanet) e da Prefeitura de São Pedro da Aldeia.

Serviço
“Arte/Água: essenciais para a vida” – Exposição dos melhores trabalhos
Local: Casa da Cultura Gabriel Joaquim dos Santos – R. Francisco Coelho Pereira, 255, Centro
Data: De 26 de outubro a 4 de novembro de 2016
Horário de funcionamento: Segunda a sexta-feira, das 10h às 16h/Sábado, das 18h às 21h